NOSSA FESTA DE 18 ANOS FOI MAIS QUE LINDA.

post festa

Parece que foi ontem. Há dezoito anos um sonho começava e hoje ele tem sede própria, mais de cem educandos e educandas matriculadas, uma equipe de vinte e duas pessoas, muitas conquistas e os desafios próprios de uma instituição que centra seus esforços num recorte populacional que historicamente teve seus direitos negados. O nosso sonho de transformação não é fácil. Mas nos tirar dele será muito mais difícil.

Juntamos velhos e novos parceiros para comemorar os nossos dezoito anos. O Afoxé Omô Nilê Ogunjá – que tocou na inauguração da nossa sede aqui na Macaxeira em 2008 – abriu nossa festa e, seis anos depois, firmou ainda mais essa parceria. O Coco Miudinho, grupo de crianças oriundos da Nação Xambá e que tocam um coco de arrepiar, já reconhecem na Escola Pernambucana de Circo um lugar amigo, de afeto, tantas foram as vezes que aqui estiveram e que lá estivemos. Com o grupo Bongar, seu “genitor”, já é assim faz tempo. E Gerlane Lops, que pisou pela primeira vez no nosso picadeiro, já disse que das próximas vezes ela vem. Convidada ou não. Muitos amigos e amigas vieram: a comunidade que se sempre se faz presente e dessa vez não foi diferente; companheiros e companheiras de outras ONG’s; parceiros institucionais e, claro, nossas estrelas maiores, os educandos e educandas. Foram eles e elas que começaram o festejo. Apresentaram, muito a vontade, duas músicas construídas na oficina de criação musical. Destaque para a versão feita para a música “Fico assim sem você”, de Claudinho e Bochecha. Para eles e elas ficou “Fico assim sem a EPC”. Contagiante.

Números circenses elogiadíssimos, criados pela nossa Trupe Circus, e mais o “Som da Rural” e seu mentor Roger de Renor deram a tônica de uma festa afinada pelo diapasão do amor e da certeza que fazemos um trabalho sério, guiados pela certeza que a arte circense é dispositivo poderoso para a assunção da cidadania e de um olhar profundo para si e para o outro.

Muitos mais dezoito anos nos esperam. Muito mais amigos e amigas chegarão à nossa porta, sempre aberta. Nossa lona está fincada em matéria que parece intangível, mas não é. Sonhos se tocam, se esculpem, são apalpados como massa de modelar. Se quiser ver e sentir, é só chegar.

E faça parte dessa história!

SÁBADO É DIA DE FESTA!

“Um sonho está completando dezoito anos. Mas sonhos não envelhecem e nem entram na maioridade. Estamos te convidando, então, para celebrar dezoito anos de estrada e os muito mais de dezoito que estão para chegar. Venha você que fez parte desta história e você que quer fazer parte também.”

Convite Festa 18 anos

É com essas palavras, postas lá no nosso convite, que avisamos publicamente que nosso picadeiro está em festa. No dia 16 de agosto de 2014 (próximo sábado), faremos uma linda celebração pela passagem dos nossos 18 anos. Para comemorar mais um ano de vida, a Escola Pernambucana de Circo traz o Afoxé Omô Nilê Ogunjá (lançando seu mais novo cd – “Odara”) e a participação da cantora Isaar, o Coco Miudinho e Guitinho da Xambá e a cantora Gerlane Lops, com a sua famosa roda de samba. Na ocasião, a Trupe Circus – da própria escola – apresentará diversos números circenses. Roger de Renor traz seu ‘Som na Rural’ para nossa sede e é o mestre de cerimônia do evento. A festa começa às 17h, a entrada é gratuita e maiores informações você pode ter no serviço abaixo.

SERVIÇO:

O QUE: Festa dos 18 anos da Escola Pernambucana de Circo.
QUANDO: Sábado, 16 de agosto de 2014, a partir das 17h.
PROGRAMAÇÃO:
o 17h: Abertura da festa – Cortejo com o Afoxé Omô Nilê Ogunjá saindo da escola e desfilando pela comunidade (participação dos/das educandos/das e artistas da Trupe Circus no cortejo) e a participação da cantora Isaar;
o 19h: Apresentação de números circenses com a Trupe Circus (EPC);
o 19h30m: Coco Miudinho e Guitinho da Xambá no ‘Som da Rural’;
o 20h40m: Roda de Samba com Gerlane Lops.
ONDE: Na nossa Sede, na Av. José Américo de Almeida, nº 05, Macaxeira, Recife-PE. Ponto de referência: na rua do Restaurante Boizzão.

EPC DIVULGA LISTA DOS SELECIONADOS PARA CURSO NOTURNO

post curso noturno baixa

Saiu a lista final dos candidatos e candidatas selecionadas para nosso Curso de Iniciação às Artes Circenses, segundo semestre. No link abaixo, você tem acesso a lista.

As aulas começam no dia 12 de agosto, próxima terça, às 19h. Importante acessar (de novo!) as regras orientadoras do curso pois elas são fundamentais para o bom andamento do nosso trabalho.

Agradecemos a todas e todos envolvidos neste processo seletivo. Cientes estamos que este é só o princípio de uma bela jornada. Avante!

LISTA FINAL CURSO NOTURNO 2014 2 SEMESTRE

VAGAS ABERTAS PARA CRIANÇAS E ADOLESCENTES

Atendimento Pedagógico 2
São poucas vagas, mas muita vontade de receber seu filho/a, sobrinho/a, primo/a, vizinho/a, conhecido/da.

Estamos com algumas vagas abertas para crianças e adolescentes dos 06 aos 15 anos.

.Crianças dos 06 aos 10 anos (dias de atividade: segundas, quartas e sextas, das 14 às 17h);

.Adolescentes dos 11 aos 15 anos (dias de atividade: terças, quintas e sextas, também das 14 às 17h).

DOCUMENTAÇÃO NECESSÁRIA PARA MATRÍCULA:

.01 foto 3×4;
.Cópia do Registro de Nascimento;
.Cópia do comprovante de residência;
.Declaração da escola em que estuda.

A matrícula só pode ser realizada por um/a responsável maior de 18 anos.

Qualquer dúvida, é só deixar mensagem inbox ou nos ligar no 3266-0050.

OFICINA COM LUANA SERRAT SE ENCERRA HOJE

post

Luana Tamaoki Serrat, fundadora da Fulanas Cia de Circo e herdeira e mantenedora de importante escola de formação profissional em artes do circo na Bahia – a Escola Picolino de Artes – está desde a última segunda realizando na EPC a oficina “Técnicas Circenses – Práticas de Treinamento e Vivências”. Tal ação é parte integrante dos cursos disponibilizados dentro do IV CONGRESSO INTERNACIONAL SESC-PE E UFPE DE ARTE/EDUCAÇÃO.

Além da oficina, a Escola Pernambucana de Circo realizou na terça-feira (29) uma intervenção artística dentro do congresso, recebendo os participantes com malabaristas, pernas de pau e outros elementos circenses. Nossa equipe de educadores também tem participado das mesas e debates que acontecem no Congresso, configurando, assim, uma excelente oportunidade de ampliação de conhecimentos sobre arte/educação e muitas trocas de saberes.

O IV CONGRESSO INTERNACIONAL SESC-PE E UFPE DE ARTE/EDUCAÇÃO se encerra hoje e durante esta semana diversas ações tomaram conta do auditório do Centro de Ciências Sociais Aplicadas da UFPE e de outros espaços da nossa cidade. A EPC foi mais um desses espaços. Pelas fotos, podemos perceber o tanto de alegria e satisfação que pudemos ter por aqui.